Porta Lógica NOT (Inversora)

 Porta Lógica NOT (Inversora)

A porta lógica NOT é a mais básica de todas as portas lógicas, possuindo uma única entrada, e sua saída é o complemento dessa entrada. É uma porta inversora (ou buffer inversor), ou seja, o valor lógico da entrada é invertido na saída. Assim se uma entrada A possui nível lógico igual a 0, então a saída S terá o nível lógico 1, e se a entrada estiver em nível lógico 1, a saída terá o nível 0.

A figura abaixo mostra o símbolo da porta lógica NOT:

Porta Lógica NOT inversora

O círculo na saída da figura (lado direito) representa o complemento lógico (inverso). E, abaixo, o símbolo da porta NOT usando o formato retangular, do padrão IEC:

Porta Lógica NOT - diagrama IEC

Expressão lógica

Podemos escrever uma expressão como:

Expressão Lógica NOT que indica que a saída S é o complemento da entrada A, e essa expressão pode ser lida como “A negado” ou “A barrado”.

A seguir, temos a tabela-verdade da porta NOT:

Tabela-verdade operação lógica NOT

A porta lógica NOT implementa uma função de uma única entrada, por isso é classificada como uma porta unária.

No mundo real temos as portas NOT disponíveis em circuitos integrados, tanto com tecnologia TTL quanto CMOS. Como exemplo, podemos citar o CI 7404, que é um TTL (lógica transístor-transístor) contendo seis portas inversoras independentes. A figura abaixo mostra a pinagem desse circuito integrado:

CI 7404 - Porta Lógica NOT - pinagem

Um outro exemplo de CI contendo portas lógicas NOT, desta vez usando tecnologia CMOS, é o circuito integrado 4069, que também possui seis portas inversoras integradas.

Porta NOT com Transístor

Podemos implementar uma porta NOT usando um transístor e dois resistores, de maneira bem simples, como ilustra a figura a seguir:

Porta lógica NOT com transístor

Quando a tensão na base do transistor – entrada “A” – está em nível alto, a sua saída S estará em nível baixo, pois haverá condução de corrente entre coletor e emissor. Quando a base estiver em nível baixo, o transístor não estará conduzindo, de modo que o nível de tensão na saída S será alto (próximo à tensão de alimentação, +VCC).

Na próxima lição vamos estudar mais uma porta básica, a porta lógica OR.

Anterior: O que são Portas Lógicas

Sobre Fábio dos Reis (1358 Artigos)
Fábio dos Reis trabalha com tecnologias variadas há mais de 25 anos, tendo atuado nos campos de Eletrônica, Telecomunicações, Programação de Computadores e Redes de Dados. É um entusiasta de Unix, Linux e Open Source em geral, adora Eletrônica e Música, e estuda idiomas, além de ministrar cursos e palestras sobre diversas tecnologias em São Paulo e outras cidades do Brasil.
Contato: Website

4 Trackbacks & Pingbacks

  1. Portas Lógicas e Tecnologias TTL e CMOS - Bóson Treinamentos em Tecnologia
  2. Porta Lógica OR - Bóson Treinamentos em Tecnologia
  3. Introdução à Álgebra Booleana - Curso de Eletrônica Digital - Bóson Treinamentos em Tecnologia
  4. Portas Lógicas Buffer - Bóson Treinamentos em Tecnologia

Escreva um comentário

Seu e-mail não será divulgado


*