Declaração e Atribuição de Variáveis em R

Declaração e Atribuição de Variáveis em R

Uma variável nos permite armazenar um valor qualquer, incluindo um objeto, em um local da memória do computador. Assim, é possível reutilizar esse valor sempre que necessário, bastando para isso acessá-lo usando o nome da variável que o contém.

Para declarar uma variável e atribuir-lhe um valor em R podemos usar três métodos:

1 -  Símbolo de atribuição <-

nome_var <- valor

2 - Símbolo de atribuição =

nome_var = valor

3 - Função assign()

assign("nome_var", valor)

Regras para nomear variáveis em R

Variáveis em R podem ser nomeadas usando letras, números, ponto (.) e underline (_), porém há algumas regras básicas que devem ser seguidas para criar os nomes de variáveis:

  • Devem sempre começar com uma letra ou um ponto (não com números ou símbolos). Se iniciar com um ponto, não pode ser seguido de um número.
  • Pode-se usar o símbolo _ (underline) no nome da variável, sendo útil para variáveis que contenham mais de uma palavra em seu nome
  • Não usar palavras reservadas da linguagem, como if e while, entre outras
  • Nomes de variáveis não podem conter espaços

Por exemplo, os seguintes nomes de variáveis são válidos em R:

soma, total, media, valor1, .resultado, primeira_nota, nota_2

Já os seguintes nomes não são válidos:

1nota, .2periodo, soma parcial, resultado-final, true

Criando diversas variáveis de uma só vez

É possível criar várias variáveis de uma vez em R usando a estrutura a seguir:

var1 <- var2 <- varN <- valor

Desta forma, são criadas N variáveis, todas inicializadas com o valor estipulado na instrução.

Tipos de Dados das Variáveis

Em R, as variáveis não são declaradas com um tipo de dados específico, sendo que o tipo de dado é obtido a aprtir do objeto atribuído à variável. Desta forma, a linguagem R é dita "Linguagem Dinamicamente Tipada", de modo que o tipo de dado de uma variável pode ser alterado dinamicamente durante a execução de um programa.

O código a seguir mostra como descobrir o tipo de dado que uma variável contém:

x <- "Bóson"
cat("A classe da variável x é ", class(x),"\n")
x <- 115.65
cat("  Agora a classe da variável x é  ", class(x),"\n")
x <- 89L
cat("   E agora a classe da variável x é   ", class(x),"\n")

Veja a saída gerada por esse código após sua execução, mostrando os tipos de dados da variável x em cada momento:

Variáveis em Linguagem R

Como descobrir variáveis

Podemos verificar quais variáveis estão em uso atualmente no workspace usando a função ls(), da seguinte forma:

print(ls())

Excluindo variáveis

Podemos excluir uma variável (desalocar) da memória usando a função rm(). Por exemplo, se quisermos excluir uma variável de nome soma basta executar a instrução a seguir:

rm(soma)

Caso seja necessário desalocar todas as variáveis de uma vez, podemos combinar as funções ls() e rm():

rm(list = ls())

Desta forma todas as variáveis existentes atualmente no programa são excluídas, liberando a memória do computador.

 

Sobre Fábio dos Reis (1206 Artigos)
Fábio dos Reis trabalha com tecnologias variadas há mais de 25 anos, tendo atuado nos campos de Eletrônica, Telecomunicações, Programação de Computadores e Redes de Dados. É um entusiasta de Unix, Linux e Open Source em geral, adora Eletrônica e Astronomia, e estuda idiomas, além de ministrar cursos e palestras sobre diversas tecnologias em São Paulo e outras cidades do Brasil.
Contato: Website

Escreva um comentário

Seu e-mail não será divulgado


*