05 – Lógica de Programação – Declaração e Atribuição de valores a variáveis

Lógica de Programação – Declaração e Atribuição de valores a variáveis

Uma variável é um local reservado na memória RAM do computador utilizado para armazenar temporariamente os dados que são utilizados pelo programa em execução.

As variáveis possuem algumas características, como:

  • Identificação (“nome”)
  • Endereço (local da memória reservado)
  • Tipo de dado a ser armazenado
  • Tamanho (quantidade de espaço que ocupa)
  • Valor (“conteúdo”)

Para que uma variável possa ser usada em um programa, ela deve primeiro ser declarada, para que seja reservado espaço na memória para armazenamento de seus dados.

Sintaxe de declaração de variáveis

A sintaxe para declaração de uma variável, usando português estruturado, é a que segue:

tipo_de_dado identificador [= valor de inicialização]

Onde:

  • tipo_de_dado: Tipo de dado que será armazenado na variável (inteiro, real, lógico, etc.)
  • identificador: Nome atribuído à variável, seguindo as convenções da linguagem de programação usada.
  • [= valor de inicialização]: Opcional. Um valor a ser atribuído à variável e armazenado logo após sua declaração.

Lembrando que essa sintaxe pode variar de acordo com a linguagem de programação empregada.

No vídeo a seguir explico com detalhes como criar e inicializar variáveis em português estruturado.

Sobre Fábio dos Reis (1197 Artigos)
Fábio dos Reis trabalha com tecnologias variadas há mais de 30 anos, tendo atuado nos campos de Eletrônica, Telecomunicações, Programação de Computadores e Redes de Dados. É um entusiasta de Ciência e Tecnologia em geral, adora Viagens e Música, e estuda idiomas, além de ministrar cursos e palestras sobre diversas tecnologias em São Paulo e outras cidades do Brasil.

3 Comentários em 05 – Lógica de Programação – Declaração e Atribuição de valores a variáveis

  1. Alexandre // 29/05/2014 em 22:02 // Responder

    Só que a seta me parece estar “à esquerda” – sinal de menor e o hífen! No vídeo é dito “setinha à direita”.

  2. Fábio, muito obrigado por mais esta excelente vídeo-aula.

Escreva um comentário

Seu e-mail não será divulgado


*