Funções em Python – Introdução

Introdução às Funções em Python

Funções em Python são agrupamentos de instruções que podem ser executadas mais de uma vez em um programa.

É possível passar a uma função parâmetros de entrada, que podem ser diferentes a cada vez que a função é executada.

Finalidade das funções

Basicamente, criamos funções por dois motivos:

  • Reutilização de código – Como uma função empacota trechos de código que podem inclusive serrem longos, podemos usá-las várias vezes sem a necessidade de redigitar esses trechos de código, tornando o programa mais simples.
  • Modularização – Podemos dividir o programa em partes com o uso de funções, tornando-o mais organizado e fácil de manter.

Tipos de funções

Há dois tipos principais de funções em Python:

  • Funções internas (builtin) – Funções presentes na pró´ria linguagem, prontas para uso, como por exemplo a função print().
  • Funções definidas pelo usuário – Funções que nós mesmos criamos, para realizar tarefas para as quais não existem funções builtin pré-definida.

Criando Funções em Python

Definimos uma nova função usando a instrução def, de acordo com a sintaxe a seguir:

def <nome_função> (argumentos):
    <instruções>

Exemplo: função para exibir uma mensagem

def mensagem ():
    print(“Bóson Treinamentos em Tecnologia!”)

A instrução def cria um objeto e atribui um nome a ele.

Chamando uma função

Para executarmos uma função, realizamos uma chamada de função:

def mensagem ():
    print("Bóson Treinamentos em Tecnologia!")
mensagem()

Criando Funções em Python com argumentos

Vamos agora criar uma função que utiliza argumentos passados como fonte de dados para processamento:

def <nome_função> (argumentos):
    <instruções>

Exemplo: função para somar dois números:

def soma (a, b):
    return a + b

Instrução return

Frequentemente usamos a instrução return em uma função:

def <nome_função> (argumentos):
    <instruções>
    return <valor>

Ela pode ser declarada em qualquer parte dentro do código da função. Quando executada, finaliza a chamada da função e retorna o resultado de volta a quem fez essa chamada. Trata-se de uma instrução opcional – caso não seja utilizada, a função termina quando finalizar a execução das instruções dentro da função.

Exemplos:

1 – Função que soma dois números

x = 5
y = 6
def soma (a, b):
    return a + b
c = soma(x,y)
print("A soma de a e b é %d" % c)

2 – Passando uma sequência de valores e calculando seus respectivos quadrados:

valores = [1, 2, 3, 4, 5]
def quadrado(valores):
    quadrados = [ ]
    for x in valores:
        quadrados.append(x**2)
    return quadrados
resultados = quadrado(valores)
for y in resultados:
    print (y)

É isso. Na próxima lição vamos abordar os escopos de variáveis em funções.

 

Sobre Fábio dos Reis (1358 Artigos)
Fábio dos Reis trabalha com tecnologias variadas há mais de 25 anos, tendo atuado nos campos de Eletrônica, Telecomunicações, Programação de Computadores e Redes de Dados. É um entusiasta de Unix, Linux e Open Source em geral, adora Eletrônica e Música, e estuda idiomas, além de ministrar cursos e palestras sobre diversas tecnologias em São Paulo e outras cidades do Brasil.
Contato: Website

1 Comentário em Funções em Python – Introdução

  1. Emerson Santos // 23/09/2018 em 1:21 // Responder

    Bom, sou novato no Python e estou com uma pequena dificuldade, então decidi vir até aqui pra ver se encontro alguém mais experiente que pode me ajudar.
    Eu idealizei um programa matemático que trabalhará com funções matemáticas ditas pelo próprio usuário. Entretanto, houve um certo empecilho no que tange a necessidade de guardar a função matemática em uma variável. Aí está o problema: qual tipo de variável é capaz de armazenar uma expressão matemática com todas as suas operações e reconhecê-la como tal? Busquei então na biblioteca Math se havia algo relacionado, e não, lá só há funções prontinhas para serem apenas usadas dentro do programa.
    Um amigo meu, então, me deu a ideia de fracionar a expressão matemática com a ferramenta split, tento assim uma lista com cada fração em cada posição. Assim, determinando certa condição para esse fracionamento, como por exemplo, a presença de multiplicações, haveria as posições com cada fragmento certinho, até aí, ok. Porém, quando se tem a presença de somas, subtrações, divisões e parênteses na expressão matemática, se torna inviável tal método. Além do mais, essa é apenas a menor das problemáticas, uma vez que desejo trabalhar com a expressão dentro do programa, sendo mais inviável ainda trabalhar com essas listas, sendo impossível manipulá-la para, por exemplo, conseguir achar a f(0) da função.
    Então, pensei: alguém nesse mundo já deve ter programado algo desse tipo em python e conseguiu de alguma forma, descobrindo algum módulo, sei lá. Me ajudem, por favor.
    Desde já, grato.

Escreva um comentário

Seu e-mail não será divulgado


*