4 – T-SQL – CONSTRAINTS (Restrições) – PRIMARY KEY, NOT NULL, etc – SQL Server

SQL Constraints (Restrições) no Microsoft SQL Server

  • Restrições são regras aplicadas nas colunas de uma tabela.
  • São usadas para limitar os tipos de dados que são inseridos.
  • Podem ser especificadas no momento de criação da tabela (CREATE) ou após a tabela ter sido criada (ALTER)

Principais Constraints do SQL:

  • NOT NULL
  • UNIQUE
  • PRIMARY KEY
  • FOREIGN KEY
  • CHECK
  • DEFAULT

Restrição NOT NULL:

  • A constraint NOT NULL impõe a uma coluna a NÃO aceitar valores NULL.
  • A constraint NOT NULL obriga um campo a sempre possuir um valor.
  • Deste modo, não é possível inserir um registro (ou atualizar) sem entrar com um valor neste campo.

Restrição UNIQUE

  • A restrição UNIQUE identifica de forma única cada registro em uma tabela de um banco de dados.
  • As constraints UNIQUE e PRIMARY KEY garantem a unicidade em uma coluna ou conjunto de colunas.
  • Uma constraint PRIMARY KEY automaticamente possui uma restrição UNIQUE definida.
  • Você pode ter várias constraints UNIQUE em uma tabela, mas apenas uma Chave Primária por tabela.

Restrição PRIMARY KEY

  • A constraint PRIMARY KEY identifica de forma única cada registro em uma tabela de banco de dados.
  • Chaves Primárias devem conter valores únicos.
  • Uma coluna de chave primária não pode conter valores NULL
  • Cada tabela deve ter uma chave primária e apenas uma chave primária.

Restrição FOREIGN KEY

  • Uma FOREIGN KEY (Chave Estrangeira) em uma tabela é um campo que aponta para uma chave primária em outra tabela.

Veja a um exemplo da constraint FOREIGN KEY:

CONSTRAINT fk_ID_Autor FOREIGN KEY (ID_Autor) REFERENCES tbl_autores(ID_Autor)

Neste exemplo a chave primária está na tabela tbl_autores e uma chave estrangeira de nome ID_Autor foi criada na tabela atual, usando o nome fk_ID_Autor

Restrição CHECK

  • A constraint CHECK é usada para limitar uma faixa de valores que podem ser colocados em uma coluna.
  • Se uma constraint CHECK for definida em uma única coluna ela permitirá apenas determinados valores para a coluna.
  • Se a constraint CHECK for definida para a tabela, ela poderá limitar os valores em algumas colunas com base nos valores de outras colunas do registro.

Restrição DEFAULT

  • A restrição DEFAULT é usada para inserir um valor padrão em uma coluna.
  • O valor padrão será adicionado a todos os novos registros caso nenhum outro valor seja especificado.

O vídeo a seguir explica em mais detalhes as restrições em SQL Server:


 

Sobre Fábio dos Reis (1329 Artigos)
Fábio dos Reis trabalha com tecnologias variadas há mais de 25 anos, tendo atuado nos campos de Eletrônica, Telecomunicações, Programação de Computadores e Redes de Dados. É um entusiasta de Unix, Linux e Open Source em geral, adora Eletrônica e Música, e estuda idiomas, além de ministrar cursos e palestras sobre diversas tecnologias em São Paulo e outras cidades do Brasil.
Contato: Website

Escreva um comentário

Seu e-mail não será divulgado


*